• Praca_Saldanha_Marinho_Theatro_Treze_de_Maio_e_Cine_Independencia_em_1925_Fonte__Arquivo_Historico.jpg
  • Av_Rio_Branco_decada_de_1950_Fonte__Arquivo_Historico.jpg
  • Av_Rio_Branco_em_1925_Fonte__Arquivo_Historico.jpg
  • Av_Rio_Branco_e_Praca_Saldanha_Marinho_em_1925_Fonte__Arquivo_Historico.jpg
  • Praca_Saldanha_Marinho_1934_Fonte__Arquivo_Historico.jpg
  • Praca_Saldanha_Marinho_em_1912_Fonte__Arquivo_Historico.jpg
  • Gare_em_1998_Fonte__Arquivo_Historico.jpg
  • Av_Rio_Branco_em_1914_Fonte__Arquivo_Historico.jpg
  • Largo_da_Estacao_em_1914_Fonte__Arquivo_Historico.jpg

      O Distrito Criativo Centro-Gare está localizado na região do Centro Histórico da cidade de Santa Maria, Rio Grande do Sul. O perímetro comporta a interseção de 25 ruas e duas avenidas: a Avenida Rio Branco e a Avenida Itaimbé. A norte, o seu limite é materializado por meio dos trilhos. Criando uma continuidade entre os trilhos e o Parque Itaimbé, vê-se o limite leste, que engloba a linearidade do Parque, contornando esta importante área verde da cidade. Logo, a Rua Ângelo Uglione, a Praça Saldanha Marinho, o Calçadão Salvador Isaia e a Rua Dr. Bozano materializam o limite sul do Distrito. As ruas Serafim Valandro, Amelia Rodrigues, Ernesto Beck e Floriano Peixoto fecham o perímetro a oeste.

     A região do Centro Histórico foi escolhida para compor o território do Distrito Criativo devido à forte presença da economia criativa no local. Só na Vila Belga mais da metade das casas abrigam empreendimentos relacionados à economia criativa. Na Avenida Rio Branco também se destacam várias atividades, incluindo brechós, antiquários, briques, entre outros.

     Além disso, a Avenida Rio Branco e o eixo formado desde a Gare da Viação Férrea até a Praça Saldanha Marinho exerceram um papel fundamental na história e no desenvolvimento de Santa Maria. A chegada da ferrovia, no final do século XIX, trouxe o progresso e a modernidade, impulsionando o crescimento da cidade a partir daquela região. A posição geográfica de Santa Maria, no Centro do Estado, a tornou um importante entroncamento ferroviário por onde passavam as principais linhas ferroviárias do Rio Grande do Sul.

    A Avenida Rio Branco fazia o papel de ligação entre o local de chegada de passageiros, a Gare, e o centro da cidade, a Praça Saldanha Marinho. Isso fez com que surgisse ao longo da avenida estabelecimentos, como hotéis, restaurantes, lojas, mercados, farmácias. A Avenida Rio Branco foi e continua sendo uma das principais vias de memória e desenvolvimento de Santa Maria.